segunda-feira, 31 de outubro de 2011

ao aniversariante...que hoje faria 109 anos!

Grande Carlos Drummond de Andrade...grata!

sábado, 29 de outubro de 2011

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Do it...



Mais que uma grande poesia - Do it do Lenine... é a grande dica pra viver direito...

"Tá cansada, senta
Se acredita, tenta
Se tá frio, esquenta
Se tá fora, entra
Se pediu, agüenta
Se pediu, agüenta...

Se sujou, cai fora
Se dá pé, namora
Tá doendo, chora
Tá caindo, escora
Não tá bom, melhora
Não tá bom, melhora...

Se aperta, grite
Se tá chato, agite
Se não tem, credite
Se foi falta, apite
Se não é, imite...

Se é do mato, amanse
Trabalhou, descanse
Se tem festa, dance
Se tá longe, alcance
Use sua chance
Use sua chance...

Hê Hô, Hum! Nanananã!
Hê Hô, Hum! Nanananã!
Hê Hô, Hum! Nanananã!
Hê Hô!, Hum!...

Se tá puto, quebre
Ta feliz, requebre
Se venceu, celebre
Se tá velho, alquebre
Corra atrás da lebre
Corra atrás da lebre...

Se perdeu, procure
Se é seu, segure
Se tá mal, se cure
Se é verdade, jure
Quer saber, apure
Quer saber, apure...

Se sobrou, congele
Se não vai, cancele
Se é inocente, apele
Escravo, se rebele
Nunca se atropele...

Se escreveu, remeta
Engrossou, se meta
E quer dever, prometa
Prá moldar, derreta
Não se submeta
Não se submeta..."

domingo, 16 de outubro de 2011

para continuar sonhando... Eduardo Galleano



Ontem cheguei a concentração anterior a caminhada contra a corrupção, com o olhar meio nublado, me pareceu inicialmente tão poucos dispostos a gritar e TANTO a ser DITO...Fui ficando por ali e logo a concentração foi tomando forma e volume, fui me alegrando com os cartazes escritos á mão, com a indignação tão nítida e por razões que também eram minhas,rapidamente já éramos um grande NÓS, como motivações variadas e variadas bandeiras, mas acreditando no GRITO e na necessidade de MANIFESTAÇÃO!

Motivada resolvi fotografar tudo que o meu olho já aceso via. A frase de um menino escrita com mãos trêmulas me comoveu: "Conformidade mata a alma"...e assim se seguiram pessoas mais velhas vestindo preto falando de LUTO e CORAGEM, e os mais velhos sabem bem o que um luto representa, jovens com nariz de palhaço, caras pintadas, bandeiras enroladas pelo corpo,uma simbólica trazendo ordem e progresso, com letras invertidas e virado de cabeça pra baixo e muito mais.

Cheguei perto de um desconhecido para fotografar a frase que ele trazia no peito: Eu defendo a liberdade, e ele me perguntou: Por que tu está aqui?
E eu desatei a falar do quanto estava triste, por tudo que sonhei e desacreditei politicamente, pelas bandeiras que um dia descrente queimei, pelas tantas e tantas passeatas que participei, e o quanto estava vazia..vazio gerado pela impotência, e falei tanto, que agora já me pergunto se houve uma pergunta externa, ou foi a minha alma que andava escura e muda, que em meio aquilo tudo quis voar...

De qualquer forma foi lindo me ouvir e estar ali de novo...
Abrir a janela pra minha necessidade de acreditar, de carregar de novo bandeira e utopia, de ter causa, de ter por quê e principalmente a minha necessidade de acreditar em mudanças, e tudo fica muito mais iluminado assim...adorei novamente sentir o quanto preciso disso e vibrar com o povo na rua, de novo...

" conformidade mata a alma"



Hoje eu vesti preto e sai por aí... Não só pela corrupção,mas por uma reforma tributária, por uma educação que mereça esse nome e tenha esse crédito e esse respeito, por uma saúde pra todos, pelo direito a segurança, pelo fim dos salários milionários e todas as demais regalias de deputados e senadores...É lamentável um país funcionar a base de propina... como é lamentável que a carga tributária absurda que de paga, não seja distribuída efetivamente e revertida ao que deve saúde educação e segurança... Vou vestir luto pela impotência e por tudo que imagino precisa Urgentemente mudar, pra que nos reste DIGNIDADE E ESPERANÇA!!!



Seguidores