terça-feira, 5 de junho de 2012

um noite iluminada...

Prometi um texto sobre minha ultima viagem, que foi linda, única, lúdica e maravilhosamente compartilhada com muitos que como eu viajaram junto na proposta da ocupação pacífica e festiva de um dos espaços públicos mais bonitos de Porto Alegre durante a noite... Estou me referindo a Serenata Redenção Iluminada, um evento concebido pela minha amiga Daniela Furlan e alguns voluntários do grupo Porto Alegre C.C e que teve o facebook como grande veiculo de divulgação.

 Sempre achei esta é uma cidade muito bonita, carece de alguns cuidados básicos, carece de interesses e visão, carece segurança, carece carinho e respeito dos habitantes e dos políticos, comprometimento de todos nós , menos lixo nas ruas, mais integração e união em torno de causas simples que tornem esse um Porto realmente mais feliz e Alegre.

 Quando viajo sempre encontro algum detalhe que me lembra Porto Alegre e vejo claramente que com um pouquinho de tudo citei aí em cima poderíamos vir a ter e fazer: uma restauração em prédios de arquitetura privilegiada, uma iluminação destacando detalhes, uma programação musical ocupando os parques da cidade, um centro histórico possível de ser freqüentado inclusive nas noites e finais de semana sem riscos, exposições publicas de arte, ruas fechadas para que as bicicletas, as crianças e os adultos pudessem brincar livremente, um porto revitalizado, tanto á fazer e tanta gente querendo isso...

 Foi o que deu pra provar e sentir na noite de 1º de junho, quando a Redenção foi literalmente ocupada de luzes, de musica e de sorrisos, por que estávamos todos felizes e vitoriosos com nossos piqueniques, com a nossa força, com a nossa união, com a possibilidade de desfrutarmos unidos de tanta beleza. Isso que não era lua cheia... 

Viajei pra Itaqui com sua noites lindas de cadeiras nas calçadas da minha infância.

 Viajei pra Paris iluminada com bailes na beira do Sena.

 Viajei pra Londres me jogando despreocupada nas gramas do Hyde Park.

 Viajei pra um futuro de gente fina, elegante e sincera que o Lulu Santos cantou.

 Viajei aos anos 70 a Woodstock em músicos espalhados e sonhos de paz & amor.

 Abraçando o chafariz do centro da Redenção, abraçamos essa causa talvez romântica e por isso fora do tempo, de que juntos somos um e que uma Porto Alegre pra ser mesmo DEMAIS precisa da união de cada um.

Grande e linda viagem!

 Fotos Felipe Bozzetti   Mais fotos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores